O cabelo e suas pontas

É a região das pontas que mais apresenta os danos que o cabelo sofre. Para evitar ou tratar, é preciso entender como funcionar a estrutura capilar.

São as pontas que mais aparentam os danos que o cabelo sofre no dia a dia, como os causados pelo sol e poluição, por exemplo, já que estão expostas há mais tempo. Por isso é comum o ressecamento na região, assim como as temidas pontas duplas, fios arrepiados e a descamação. Para tratar e evitar esses e outros efeitos indesejáveis é preciso entender como é e como funciona a estrutura capilar.

Pontas

É bem simples. O cabelo é dividido em três partes: a medula, que fica no interior e distribui minerais e nutrientes; o córtex, no meio, responsável pela força e elasticidade; e a cutícula, a camada externa, composta de escamas que vão se sobrepondo. Nos fios saudáveis, as três camadas são unidas e seladas por meio de proteínas, como a ceramida, e da gordura natural dos fios. Sem elas, as escamas se abrem, deixando a estrutura interna exposta e frágil. Os fios tornam-se sensíveis e podem se abrir no sentido do comprimento.

Os fios já se desgastam normalmente, mas algumas atitudes podem acelerar esse processo, como o uso do secador e chapinha com frequência, assim como a química, que destroem a gordura e a proteína naturais dos cabelos. Prender os fios ainda molhados ou úmidos também contribui para o desgaste. Se os seus fios são grossos, fuja dos cortes com navalha, que deixam a ponta mais larga do que o comprimento, com tendência a bifurcar com mais facilidade.

Há várias maneiras de tratar. Uma delas é a reconstrução capilar que, além de devolver aos fios as proteínas perdidas, também devolvem às madeixas a umidade natural, fazendo uma hidratação profunda. Pessoas que aplicam química no cabelo precisam de hidratações mais frequentes, a cada 15 ou 30 dias. E, em casa, alguns produtos podem dar uma forcinha. “Pode-se dar uma cauterização caseira, usar leave-in, reparador de pontas, além de queratina líquida e finalizadores com silicone”, explica Gilberto Miranda, representante da Vitiss Cosméticos em Pernambuco e na Paraíba. A cauterização, por exemplo, que é uma hidratação mais profunda, pode ser encontrada na linha Intense, toda voltada para a restauração capilar e limpeza profunda.

A linha monoï de tahiti oferece o sérum, ou silicone, que atua como uma maquiagem para o cabelo. Serve para unir as pontas, dar brilho e controlar o frizz durante um curto prazo de tempo. Porém, ele também serve para prevenir o problema, uma vez que forma uma película de proteção ao redor dos fios e evita que eles comecem a abrir. Caso os fios estejam muito danificados, o mais recomendado é um corte sutil, apenas para se desfazer das pontas ressacadas e duplas e, aí sim, tomar todas as medidas para evitar os danos.

Cintia

Sou a Cintia, sou também a mãe do Miguel de 4 anos e da Ana Júlia que chega em breve. Adoro cosméticos, internet ( hoje trabalho através dela ), assuntos sobre maternidade e vida saudável. :-)

Você pode gostar...